Quinta da Cruz – Centro de Arte Contemporânea

A Quinta da Cruz - Centro de Arte Contemporânea de Viseu (Portugal) foi criado como um núcleo dinamizador de arte, cultura e identidade. É um espaço cultural orientado para a exibição de arte contemporânea, para o desenvolvimento de práticas artísticas e é percecionado como um motor de promoção artística local. Destinado à fruição pública, de cultura e lazer, insere-se numa ampla área verde de assinalável biodiversidade.


Banhada pelo Rio Pavia, é um lugar singular situado fora do perímetro central da cidade e um território inspirador onde a natureza e a arte se encontram, contaminam e criam sinergias únicas.

Adquirida por Nicolau de Mendonça Falcão do Amaral nos finais século XVIII, a propriedade tem uma extensão de 10 hectares de área verde, ornamentada por espécies exóticas que dialogam de forma harmónica com elementos autóctones e que reativam uma memória coletiva deste espaço.

Atual propriedade da Câmara Municipal de Viseu, a Quinta da Cruz reabriu ao público em 2014 como um motor de atividades culturais com múltiplas preocupações que se manifestam nos âmbitos da arte, natureza e comunidade. Projeta-se como "Centro de Arte Contemporânea de Viseu", cujas valências se complementam numa relação profícua e geradora de novos diálogos: a partir do desenvolvimento de programas expositivos de curta duração, incentivo à criação artística e à promoção de projetos que refletem sobre o estado da arte e o seu papel na sociedade contemporânea. A calendarização anual materializa-se em estreita articulação com a infraestrutura polinucleada que o caracteriza.

A sensibilização, a criação e a formação de públicos fazem parte dos objetivos estratégicos da Quinta da Cruz - Centro de Arte Contemporânea de Viseu.


A Quinta da Cruz tem cerca de cinco hectares e é um espaço de cultura e lazer de excelência.

A arte contemporânea ganha vida na Quinta da Cruz, com vista privilegiada sobre o Rio Paiva. Junta-se, assim, no mesmo espaço natureza e arte, numa experiência única de contacto com a biodiversidade característica da zona e, ao mesmo tempo, com exposições temporárias e um leque diversificado de atividades e de oficinas criativas para os mais novos.


VISITA VIRTUAL / VIRTUAL VISIT

INVERNO
16 de setembro a 14 de junho
terça-feira a sábado, das 09:30 às 17:30
ENCERRA : domingo, segunda-feira e feriados

VERÃO
15 de junho a 15 de setembro
terça-feira a sábado, das 10:00 às 18:00
ENCERRA : domingo, segunda-feira e feriados
^